terça-feira, 18 de novembro de 2014

ORAÇÃO MARIANA



Oração Mariana, retirada do Diário de Santa Faustina, Nº161:



’Ó Maria, Virgem Imaculada, cristal puro para o meu coração, tu és minha força, ó âncora firme, tu és o escudo e a proteção do coração fraco.
Ó Maria, tu és pura e incomparável, Virgem e Mãe ao mesmo tempo, tu és bela como o sol, sem mancha alguma, nada pode se comparar com a imagem de tua alma.
Tua beleza encantou o olhar do três vezes Santo, que desceu do céu, abandonando o trono da sede eterna, e assumiu, do teu...
coração, Corpo e Sangue, por nove meses ocultando-se no Coração da Virgem.
Ó Mãe Virgem, ninguém compreenderá que o Deus incomensurável se torne homem, e apenas por Seu amor e Sua misericórdia insondável, por ti, ó Mãe, nos foi dado viver com Ele pelos séculos.
Ó Maria, Mãe Virgem e Porta do Céu, por ti nos veio a salvação, e toda graça flui para nós por tuas mãos, e apenas a fiel imitação de ti me santificará.
Ó Maria, Virgem – lírio mais belo, teu Coração foi o primeiro sacrário de Jesus na terra, e só porque a tua humildade foi a mais profunda, foste elevada acima dos coros dos anjos e dos santos.
Ó Maria, minha doce Mãe, entrego-te minha alma, meu corpo e meu pobre coração, seja a guardiã da minha vida, especialmente na hora da morte, na última luta’’.
Amém.




Oração Mariana, retirada do Diário de Santa Faustina, Nº161: ‘’Ó Maria, Virgem Imaculada, cristal puro para o meu coração, tu és minha força, ó âncora firme, tu és o escudo e a proteção do coração fraco. Ó Maria, tu és pura e incomparável, Virgem e Mãe ao mesmo tempo, tu és bela como o sol, sem mancha alguma, nada pode se comparar com a imagem de tua alma. Tua beleza encantou o olhar do três vezes Santo, que desceu do céu, abandonando o trono da sede eterna, e assumiu, do teu coração, Corpo e Sangue, por nove meses ocultando-se no Coração da Virgem. Ó Mãe Virgem, ninguém compreenderá que o Deus incomensurável se torne homem, e apenas por Seu amor e Sua misericórdia insondável, por ti, ó Mãe, nos foi dado viver com Ele pelos séculos. Ó Maria, Mãe Virgem e Porta do Céu, por ti nos veio a salvação, e toda graça flui para nós por tuas mãos, e apenas a fiel imitação de ti me santificará. Ó Maria, Virgem – lírio mais belo, teu Coração foi o primeiro sacrário de Jesus na terra, e só porque a tua humildade foi a mais profunda, foste elevada acima dos coros dos anjos e dos santos. Ó Maria, minha doce Mãe, entrego-te minha alma, meu corpo e meu pobre coração, seja a guardiã da minha vida, especialmente na hora da morte, na última luta’’. Amém.

Colaboração Ir. Nilza do Carmo




Nenhum comentário:

Postar um comentário