quarta-feira, 6 de novembro de 2013

HINO SALVE MATER MISERICORDIÆ

Antigo hino carmelita, cantado no 5º modo.

Salve Mater misericordiæ, Mater Dei et Mater veniæ, Mater spei et Mater gratiae, Mater plena Sanctæ Letitiæ, O Maria!
Salve decus humani generis. Salve Virgo dignior cœteris, quæ virgines omnes transgrederis et altius sedes in superis. O Maria!
Salve félix Vírgo puérpera, Nam qui sédet in Pátris déxtera, Cælum régens, térram et æthera, Intra tua se cláusit víscera, ó María!
Te creávit, Páter ingénitus, Adamávit te Unigénitus, Fecundávit te Sánctus Spíritus, Tu és fácta tota divínitus, ó María.
Te creávit Déus mirábilem, Te respéxit ancíllam húmilem, Te quæsívit spónsam amábilem, Tíbi núnquam fécit consímilem, ó María!
Te beátam laudáre cúpiunt Ómnes jústi, sed non suffíciunt; Multas láudes de te concípiunt. Sed in íllis prórsus defíciunt, ó María.
Esto, Máter, nóstrum solátium; Nóstrum ésto, tu Vírgo, gáudium; Et nos tándem post hoc exsílium, Lætos júnge chóris cæléstium, ó María.


Salve Mãe de misericórdia, Mãe de Deus, e Mãe do perdão, Mãe da esperança e Mãe da graça, Mãe plena da Santa Alegria. Ó Maria!
Salve, glória do gênero humano. Salve Virgem mais digna que todas as outras, que superastes todas as virgens e no céu ocupas o maior assento. Ó Maria!
Salve, feliz Virgem Mãe, pois o que senta à destra do Pai, regendo o Céu, a terra e o etéreo, dentro do vosso ventre se escondeu. Ó Maria!
Criou-vos o Pai incriado, amou-vos profundamente o Unigênito, fecundou-vos o Espírito Santo, vós sois feita toda divinamente. Ó Maria!
Deus vos fez um milagre, olhou-vos como serva humilde, procurou-vos como esposa digna de ser amada, Como vós nunca fez ninguém igual. Ó Maria!
Louvar-vos como bendita desejam todos os justos, mas não são suficientes; muitos louvores de ti concebem, mas neles falham inteiramente. Ó Maria!

Seja, ó Mãe, nosso consolo, seja vós, Ó Virgem, nossa alegria; E, finalmente, depois desse exílio, alegres, nos una ao coro dos céus. Ó Maria!

Nenhum comentário:

Postar um comentário