quarta-feira, 1 de maio de 2013

Vida em solidão X vida na cidade (Beato Francisco Palau)




" Na cidade, porém os elementos se corrompem e infectam a vós também. A vaidade mundana, de beleza falaz, mantêm o vosso homem interior preso naquelas baixezas como num cárcere, para que não se eleve às coisas do alto. Em lugar dos cantos melodiosos dos pássaros, ouvis o grito teimoso dos homens e mulheres, junto com os dos animais, principalmente os cachorros e os porcos. O dia todo tendes de ouvir a algazarra tumultuosa. Todas as vaidades seduzentes da cidade tentam submergir-vos na imundice dos vícios, e o chamariz das cousas apresentadas como agradáveis, fica sem efeito...
... os demônios mundanos atraem os que vivem no mundo por espécie de amor como doçura de leite, dando-lhes de mamar, de maneira que, dificilmente alguém, nem que seja o pregador mais famoso, consiga desmamá-la desta amargura falsamente tida como doçura. Eu fico admirado convosco e mais do que isto, até fico estupefato até não poder mais. Há alguém entre vós que não deseja salvar a sua alma? Consta sem dúvida nenhuma que cada um de vós quer a salvação da sua alma e muito. Porque então, se realmente quereis salvar-vos, tentais com esforços miseráveis o oposto da salvação, desgraçadamente sufocando o desejo legitimo da felicidade?" - Vida Solitária; Cap 11, pag. 42 e 43.

Um comentário:

  1. Frei Tiago " tudo que Deus permite esconde graça" Como é bela sua Vocação
    irmã Maria letícia do sagrado coração OIC

    ResponderExcluir